domingo, 20 de dezembro de 2009

JUNIORES- A união faz a força

JUVENTUDE OURIENSE 5 -  3 A ACADÉMICA C

Jogo Bem disputado com a JO a dominar e a controlar o jogo e a AAC sem bola e com pouco espaço a explorar as poucas oportunidades de contra ataque e as situações de superioridade numérica (por 2 vezes em 2 minutos)  para equilibrar o jogo. Apesar da boa réplica e entrega ao jogo, só a pontaria afinadissíma dos jogadores do JO aos postes e trave impediram que a AAC saísse de Ourém com derrota por números mais expressivos (10 bolas, pelo menos, a beijar os ferros).
Arbitragem isenta, em jogo sem casos, com critério bastante apertado.
A JO a entrar muito bem, a dominar e a inaugurar o marcador em jogada de contra ataque finalizada em remate cruzado do Pedro, a AAC a empatar em recarga após jogada confusa, naturalmente a JO  passa para a frente em contra ataque bem finalizado pelo Eduardo e pouco tempo depois o Carlos a aumentar ao finalizar contra ataque com remate cruzado, 3-1 ao intervalo.Na 2ª parte a AAC entrou mais determinada e conseguiu equilibrar o resultado (fruto das bolas que iam martelando o ferro da sua baliza) mas nunca o jogo. No entanto foi a primeira a marcar na 2ª parte por intermédio do seu nº3(o jogador mais esclarecido da equipa visitante) ao concretizar jogada de insistência, mas os de Ourém não acusaram o golpe e repuseram a diferença através de excelente contra ataque finalizado de forma superior pelo Eduardo, nesta fase do jogo e por duas vezes a AAC beneficiou de livres directos (e respectiva vantagem numérica) e um penalti que o Sérgio defendeu com segurança, foi no entanto nesta altura que a AAC por intermédio do seu nº 8 reduziu a vantagem ao finalizar contra ataque bem delineado, mas as oportunidades de golo surgiam em cada jogada da JO e foi então que o Tiago em jogada confusa introduziu a bola na baliza e acabou com as esperanças Academistas em melhor resultado que não a derrota. Uma palavra de apreço ao treinador do JO, que apesar de, numericamente em termos de resultado, nunca ter conseguido uma vantagem tranquila, não hesitou em lançar em campo jogadores pouco utilizados até agora, dando-lhes confiança para o futuro. E é com muita confiança que esta equipa vai abordar os dois últimos jogos que faltam, pois não depende de resultados de terceiros, para alcançar um lugar de acesso ao Nacional da categoria.
O próximo passo é terça feira 21Horas, Pavilhão da Embra- Marinha Grande.


Sérgio Rodrigues(gr), Luis Jorge, Pedro Silva(1), Tiago Santos(1), Eduardo Fernandes(2), Carlos Fonseca(1), João Leitão, Fábio Pereira, Diogo Bernardes, Rafael Claro(gr)

4 comentários:

Anónimo disse...

Parabens Ourém foi um bom jogo....

Fernando disse...

Sr. Carlos Clemente

Dou-lhe os meus sinceros parabéns pela coragem de entrar nesta coisa dos blogs.

Sou gestor do WWW.OKNOVASREGRAS.BLOGSPOT.COM e sempre que queira algo desse espaço é só expor.

Todos seremos poucos para dinamizar a nossa querida modalidade.

Um abraço

O gestor do oknovasregras

Anónimo disse...

Sem dúvidas a culpa é sempre de alguém quando se perde… Eu penso que viram o mesmo jogo que eu, sim o senhor árbitro erro mas para os dois lados… Na primeira parte o tomar foi superior sem dúvidas sem falhar as oportunidades que tiveram, foi com naturalidade que o Tomar chegou ao intervalo a ganhar 5 a 2. Mas na segunda parte a juventude ouriense foi superior nunca baixando os braços, queria lembrar que não foi o árbitro que falhou as oportunidades que o Tomar teve na segunda parte como o penal ti. Para mim foi um bom jogo de hóquei com duas boas equipas equivalentes.

Anónimo disse...

SR.Fernando Cabaço

Quero aproveitar também para lhe endereçar os meus parabéns pelo seu
excelente blog em prol da modalidade,um bem haja.
Feliz Natal para para si e todos seus.Para o SR.Carlos Clemente um
Grande bem haja também.Um santo e feliz natal para si e todos seus.